Internacional - 25/12/2009 - 11:17:37

 

Cardeal francês quebra o fêmur em ataque de mulher ao papa

Cardeal francês quebra o fêmur em ataque de mulher ao papa

 

Da Redação com AFP

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 


O cardeal francês Roger Etchegaray, de 87 anos, sofreu uma fratura no colo do fêmur durante o ataque ao papa Bento XVI, na noite da quinta-feira, enquanto os dois caminhavam para o alta da Basílica de São Pedro para celebrar a Missa do Galo. De acordo com o jornal francês Le Figaro, Etchegaray está no hospital Gemelli, em Roma, e deve passar por uma operação nos póximos dias.

O incidente ocorreu quando o papa percorria o corredor central da basílica. A ítalo-suíça Susanna Maiolo pulou a divisão que separava o público e foi contida por seguranças, mas acabou puxando o pontífice pelas vestes. Bento XVI foi ao chão, mas não sofreu nada e seguiu a celebração da missa de Natal.

A causa exata da fratura do cardeal Etchegaray não foi divulgada. Ele estava entre os 30 cardeais que participaram da missa. Mesmo a poucos metros do papa, ele não foi derrubado. O porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi, afirmou que talvez o cardeal tenha se virado muito rápido e sofrido a fratura.

Etchegaray é um dos primeiros incentivadores do diálogo entre judeus e cristãos e especialista em missões delicadas em regiões em crise, como Ruanda, Iraque e Saraievo. Nascido em 25 de Setembro de 1922, ele é formado em direito canônico e se tornou cardeal em 1997. Etchegaray presidiu a comissão Justiça e Paz entre 1984 e 1998.

;

Links
.
.
Vídeo


Últimas Notícias




MPF questiona programa Mais Médicos e manobra entre Dilma e governo cubano vêm à tona


Novo edital do Mais Médicos é publicado no Diário Oficial


OTrim está ativo no seu SSD do Windows 10?


Médicos formados no exterior tentam validar diploma no Brasil


Exposição em São Paulo reúne fotografias de cenas da região da Luz


Gleisi Hoffmann, em "ato falho", entrega quem é proprietário do sítio de Atibaia